Blog – Estética dental e implante dentário Londrina

Clareamento dental caseiro – Tempo vs concentração

Clareamento dental caseiro – Tempo vs concentração

Clareamento dental – A concentração ideal

Quando falamos em clareamento dental logo começam as contradições. O problema do processo de clareamento dental é que ainda tudo é muito novo. Muitas pesquisas são desenvolvidas na área e toda a informação disponível está em constante mudança.

Um dos tópicos mais debatidos, e infelizmente a maioria dos dentistas desconhece é o tempo vs concentração do gel para clareamento dental. Para entendermos melhor esse assunto complexo, vamos começar a falar um pouco sobre os géis disponíveis no mercado:

 

Clareador dental com Peróxido de carbamida

Essa opção de gel para clareamento dental é a mais antiga e também mais segura para o tratamento. Vários artigos apontam o gel de peróxido de carbamida a 10% como o gel de escolha para um clareamento seguro e eficaz. Para começar, devemos lembrar que 10% de peróxido de carbamida equivalem a mais ou menos 3,4% de peróxido de hidrogênio. O peróxido de carbamida, ao entrar em contato com o dente se dissocia em peróxido de hidrogênio, mas, seu estabilizante, a ureia, “segura” um pouco o clareador, permitindo sua penetração no interior da dentina (local ideal para a ação dos clareadores). O tratamento com esse tipo de gel é um pouco mais longo, mas resulta em uma melhor estabilidade de cor, pois esse fator é dependente do tempo de contato do gel com o substrato dentinário.

Além de todas essas vantagens ainda temos um índice muito menor de sensibilidade com essa concentração de gel, permitindo que até pacientes com dentes muito sensíveis possam fazer o clareamento dental com segurança.

 

Clareador dental com peróxido de hidrogênio

Essa é a versão do gel para clareamento dental que as empresas indicam para o clareamento diurno (Day). Um dos piores defeitos desse tipo de gel é sua instabilidade muito grande frente a calor, luz e tempo. Por exemplo: Após 6 meses o gel de peróxido de hidrogênio perde cerca de 50% da sua concentração, motivo pelo qual eu sempre opto por géis recém-fabricados. Agora, imagine o transporte desse tipo de produto instável dentro de caminhões por horas e horas no sol quente, onde a temperatura interna pode chegar a 80ºC. Isso sem contar o modo como as dentais armazenam os géis antes de chegar ao consumidor final, nós dentistas.

Outro grande problema dos géis de peróxido de hidrogênio é seu modo de ação. Por ser extremamente reativo, o seu foco principal de ação acaba sendo o esmalte, pois, ao entrar em contato com o mesmo, o peróxido já começa a reagir, chegando uma quantidade muito menos concentrada até a dentina. Como o seu uso é indicado por um menor tempo (45 a 120 minutos) a estabilidade de cor também é prejudicada.

Finalmente, a tal da sensibilidade… Como você deve estar imaginando agora, esse tipo de gel, que geralmente é vendido nas concentrações de 6-7,5%, é pelo menos 2x mais concentrado que o gel de peróxido de carbamida 10%, e sensibilidade dental é completamente dependente da concentração do gel escolhido (poder oxidante).

 

Clareamento dental caseiro – Resumo

Após estudar muito o tema clareamento dental pude chegar a conclusão que o antigo ainda é o melhor. Se quiser um clareamento seguro, de bons resultados com o mínimo de sensibilidade possível, uma ótima é o nosso bom e velho peróxido de carbamida a 10%. Qualquer concentração acima disso é dispensável, pois, com o tempo, todos os géis vão acabar chegando no ponto de saturação dental.

 

Para mais informações, acesse a área de clareamento dental do nosso site: http://implanteestetica.com.br/clareamento-dental-londrina/

Artigos recentes

18 Comentários para Clareamento dental caseiro – Tempo vs concentração
  • Marcela

    Gostei do post, esclareceu muito sobre minha dúvida com relação à qualidade dos clareadores dentais caseiros. No entanto, quem possui estética dental nos dentes da frente pode utilizar o clareamento dental caseiro? Pode dar diferença de cor com relação ao dente natural e a resina? Obrigada.

    • Tiago Veras Fernandes

      Olá Marcela! Sim… Os dentes naturais vão clarear e a resina não. Materiais dentários não alteram de cor. É provável que você tenha que trocar tais restaurações.

  • Neide Miguel da Cruz.

    Bom dia! Estou fazendo o clareamento com peroxido de carbamida 16%, recomendado pela minha dentista. Gostaria de saber se é seguro. Desde já agradeço a atenção.

    • Tiago Veras Fernandes

      Sim Neide, a concentração de 16% é segura se respeitada as orientações que sua dentista passou.

  • DEborah

    Gostei muito esclareceu muito minhas duvidas !! Eu vivi em Londres e os meus dentes da frente tem um proteção será se eu fizer o clariamento caseiro os meu dentes vão ficar com cores diferentes ?)

  • Elisabete

    Por favor Dr. Quanto tempo dura a porcelana nos dentes? Quais suas vantagens e desvantagens? No meu caso tenho muitas resinas nos dentes desde criança.

    • Tiago Veras Fernandes

      A duração depende de cada pessoa (hábitos de higiene, cuidados para não quebrar as facetas, etc). Mas tem estudos que mostram mais de 92% de sucesso em 11 anos.

  • Amanda Santos

    Fiz clareamento dental e achei que os dentes de baixo não clarearam tanto? Ficava 2 horas com as placas; qdo posso refazer e esse período de 2 horas basta para clarear?

    • Tiago Veras Fernandes

      2 horas por dia é o suficiente para clarear sim! Pode refazer se achou que o resultado não foi como o esperado. Fale com seu dentista antes.

  • Fernanda

    Estou fazendo clareamento com peroxido de hidrogênio a 7 1/2% , e fiz uma sessao a laser, mais acho que nao estao ficando tao brancos, o peroxido de carbamida é melhor mesmo? fica mais branco que o de hidrogenio? Tambem esta muitooo sensivel….
    quanto menor a porcentagem do gel mais branco ele fica? Ou é quanto maior a porcentagem?

    • Tiago Veras Fernandes

      O gel precisa de tempo de contato com o dente para que possa fazer efeito. Geralmente os géis mais fracos são melhores pois evitam efeitos adversos como a sensibilidade exacerbada.

  • fernando

    Bom dia Dr.

    Estou fazendo clareamento de moldeiras com peroxido de hodrogenio white class 7.5%, estou com algumas duvidas.

    Tiro as moldeiras perto das 23hrs, apos tirar as moldeiras não estou escovando os dentes, apenas enxaguando com agua e dormindo apenas com o enxague, tem problemas ficas restos do peroxido nos dentes e fazer algum mal? posso continuar nessa forma?

    Posso tomar cerveja sem problemas durante o tratamento? não vai prejudicar em nada?

    Desde ja obrigado.

    • Tiago Veras Fernandes

      Pode tomar cerveja sim. Você deve bochechar com água até remover todo o gel e em seguida escovar os dentes.

  • Daiana

    Olá, estou fazendo o clareamento caseiro com o molde e o gel que o comprei no dentista, mas quando coloco meus dentes doem, isso é normal?
    Agradeço desde já

    • Tiago Veras Fernandes

      Em casos raros sim. Fale com seu dentista para verificar se essa é a melhor concentração do gel para você.

  • Renan

    Meu dente da frente é foi quebrado no meio(+10anos atrás) e colado novamente. Não é molde, foi o pedaço que quebrou mesmo, pois guardei.
    Acontece que hoje o pedaço quebrado está meio claro, um aspecto de transparente.
    Posso fazer este clareamento dental que irá deixar tudo uniforme, ou terei que trocar a parte quebrada para resolver o problema?

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

POSTAR COMENTÁRIO